Noticia Nacional

Papão joga mal, mas vence e segue na ponta

13/03/2017 01:37:33

Deu para o gasto. Assim pode ser o resumo da magra vitória do Paysandu diante do Independente, na tarde deste domingo (12). Com mais uma exibição bastante questionada pelo torcedor, o Papão venceu o Galo por 1 x 0 e manteve a liderança do grupo A1 do Parazão. Veja como foi o lance a lance!

 

Após um primeiro tempo fraco tecnicamente, a bola só balançou a rede na etapa final, com gol do meia Diogo Oliveira, que saiu do banco para sacramentar os três pontos do Bicola.

 

Agora, com 15 pontos, o Paysandu já foca na próxima rodada, quando enfrentará o São Francisco, no Estádio Barbalhão, em Santarém. Já o Independente continua com 14 pontos, na vice-liderança do grupo A2. No próximo jogo o Galo terá pela frente o Pinheirense, no Navegantão.

 

 

 

O JOGO

 

O torcedor do Paysandu ficou bastante preocupado com os primeiros 45 minutos do time contra o Independente. Em um novo esquema armado por Marcelo Chamusca, sem meia de criação, a criatividade foi o calcanhar de Aquiles do Bicola.

 

O Independente começou melhor, pressionando a saída de bola e dando trabalho para os zagueiros do Papão, que não conseguiam sair jogando e construir a jogada sem precisar dar chutão para os atacantes.

 

Aos poucos o jogo foi equilibrando. Ainda longe de brilhantismo técnico, o individual tentou fazer a diferença no Papão, em alguns lances isolados principalmente com Leandro Carvalho, mas ainda sem a eficiência necessária.

 

No final do primeiro tempo, alguns esboços de vaias e muitas reclamações dos torcedores bicolores com a exibição abaixo do time.

 

No segundo tempo, o time comandado por Chamusca voltou melhor,  muito pela entrada do camisa 10 Diogo Oliveira, que entrou na vaga de Willian Simões e foi o toque de qualidade no meio de campo alviceleste.

 

Diogo reacendeu os atacantes e acabou sendo premiado. Leandro Carvalho, em bom lance pela direita, cruzou rasteiro e o articulador teve apenas o trabalho de finalizar para o fundo da rede de Evandro. 1 x 0.

 

A vida dos donos da casa foi facilitada na sequência, quando Wegno cometeu falta violenta em Wil, no meio de campo. O árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva não titubeou e aplicou o cartão vermelho direto para o atacante do clube de Tucuruí.

 

Embora com um a menos, o Independente voltou a assustar na reta final e quase empatou quando Magno saiu livre na entrada da área, teve tempo para escolher o canto e chutou para fora, dando um tremendo frio na barriga da Fiel.

 

Quando o árbitro encerrou o jogo, o que tinha para ser festa virou protesto do torcedor, que vaiou a exibição do time na saída do gramado.

 

 

 

FICHA TÉCNICA

 

Emerson; Ayrton, Gilvan, Fernando Lombardi e Willian Simões (Diogo Oliveira); Wesley, Rodrigo Andrade e Wil (Hayner); Leandro Carvalho (Aslen), Bergson e Alfredo

 

Independente: Evandro; Rodrigo Siqueira, Reginaldo, Izequias e Mocajuba (Wesley); Dudu, Chicão e Wellington Cabeça (Fernando Henrique); Wegno, Magno e Monga (Diego Lira)

 

Gol: Diogo Oliveira (Paysandu)

 

Estádio: Curuzu, Belém (PA)

 

Hora: 16h

 

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva

 

Auxiliares: Luis Diego Nascimento Lopes e Rafael Ferreira Vieira

 

(DOL)






Av. Almirante Barroso,2190, 3° andar. Marco

© Copyright 2011-2014 | Rádio Clube do Pará - Todos os direitos reservados