O duelo entre Águia X Remo, válido pela sexta rodada do Campeonato Paraense teve calor intenso, emoções, jogo pegado e muita disputa dos times pela posse de bola.

No final, os times ficaram no empate em 1 a 1, neste domingo (18), no estádio Zinho Oliveira, em Marabá. O resultado praticamente deixa os times nas mesmas situações em que começaram a partida.

Logo no começo, o Águia ofereceu perigo ao Leão e meteu bola na trave com Junior Gaúcho. O susto do inicio se transformou em gol aos 15 minutos de jogo quando Dé foi lançado e teve o trabalhou de tirar do alcance do goleiro Vinicius. Azulão 1 a 0.

O calor de Marabá foi vantagem para o Azulão até a parada técnica na metade do jogo e depois disso, o Leão foi para cima e chegou ao empate: em cruzamento de Lucas Tocantins, Dioguinho contou com a falha do goleiro para marcar o seu sexto gol no Parazão. Jogo empatado aos 37 minutos.

Na segunda etapa, os dois times apresentaram futebol abaixo do esperado, enquanto que o Águia não aproveitou as chances e sem criatividade, o Remo foi um pouco mais agudo no ataque, mas sem balançar a rede do adversário.

Nos acréscimos, a polêmica do jogo. O Águia marcou o gol com Dé, mas o árbitro anulou o gol do time marabaense, que estava em posição legal após desvio do zagueiro Mimica. O erro acabou mantendo a invencibilidade do Remo no Parazão.


Com o resultado, o Leão chega a 14 pontos ganhos e lidera o grupo B, enquanto que o Azulão chega a oito pontos dividindo a vice-liderança do grupo C, ao lado do Castanhal.

Na próxima rodada, o Águia terá o clássico da região sudeste paraense contra o Itupiranga, em Marabá e o Remo recebe o Castanhal, no Baenão. Ambos os jogos serão na quarta-feira (21).

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO PARAENSE 2021 – 6ª RODADA

LOCAL: estádio Zinho Oliveira / Marabá (PA)

ÁRBITRO: Djonaltan Costa Araújo

ASSISTENTES: Fabricio Rosa Silva e Gilmar Soares de Souza

CARTÕES AMARELOS: Dé (AGM); Anderson Uchoa e Dioguinho (REM)

GOLS: Dé (Águia), 15 minutos 1º Tempo e Dioguinho (Remo), 37 minutos 1º Tempo

ÁGUIA: João Ricardo; Bruno Limão, Junior Gaúcho (Gilmar), Guigui e Fernandes (Thiago Félix); Balão, Matheus Rosas e Echeverria (Souza); Dé, Veraldo (Dudu) e Romarinho

Técnico: João Galvão

REMO: Vinicius Thiago Ennes Fredson Mimica e Felipe Borges (Ronald); Jefferson Lima, Anderson Uchoa e Renan Oliveira (Gabriel Lima); Lucas Tocantins (Thiago Miranda) Dioguinho (Wallace) e Edson Carius (Renan Gorne)

Técnico: Paulo Bonamigo

(DOL)