Menos de 24 horas após confirmar a demissão de Adilson Batista, o América-MG já anunciou seu mais novo técnico: Givanildo Oliveira, que de “novo”, na verdade, não tem nada. Aos 70 anos de idade, o treinador dará início à sua quinta passagem pelo clube, e terá a difícil missão de livrar a equipe do rebaixamento a cinco rodadas do final do Campeonato Brasileiro.

Assinando contrato até o fim desta temporada, Givanildo seria o último respiro do Coelho na tentativa de permanecer na elite do futebol nacional. O time está há 10 jogos sem vencer na competição, caindo significativamente na tabela e entrando na zona da degola. No momento, os mineiros ocupam a 18ª colocação, com 34 pontos ganhos, dois a menos que o Sport, o primeiro fora do Z4.


Givanildo deve ser apresentado já nesta segunda-feira, no CT Lanna Drumond, em Belo Horizonte (MG), onde terá o primeiro contato com o elenco e comandará o primeiro treino da preparação para o jogo de quinta-feira, contra o Internacional, em Porto Alegre (RS). No Beira-Rio, a bola rola a partir das 21h (horário de Brasília).

O novo comandante é o segundo treinador que mais vezes comandou o América-MG. Dentre suas principais conquistas com o Coelho, estão a Série B de 1997, a Série C de 2009 e o Campeonato Mineiro de 2016. Seu último trabalho foi no Remo-PA, clube pelo qual disputou a Série C até maio deste ano.

Fonte: Gazeta Esportiva