A quinta-feira (2) foi de trabalhos intensos para os jogadores do Paysandu, que participaram de atividades físicas no estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém.

Os treinos tiveram surpresas como o retorno de dois jogadores do clube que testaram positivo para a covid-19 e a volta do meia Vitor Diniz, que foi emprestado ao Bahia-BA e o vínculo foi encerrado.

Além dos jogadores, o clube também recebeu o meia Alan Calbergue, que pode servir de opção para o problema de criação no meio de campo do Paysandu.


Depois de atuar no futebol gaúcho, o jogador admite que o time precisa ter cautela e cuidado para obedecer o protocolo de segurança;

“A gente sabe que precisa seguir com protocolo. Tem que ter calma pois é um cenário difícil mas tem que ter paciência para fazer coisa certa e colher resultados”, afirma.

O elenco bicolor segue com os treinos até o próximo sábado (4).

(DOL)