A vitória no Re-Pa e a vantagem para o jogo decisivo dá uma confiança a mais para os jogadores do Paysandu. Mas se engana quem pensa que o time já está no clima de ‘já ganhou’.

Autor do gol da vitória no clássico, o lateral Netinho acredita que o resultado aumenta a força do time alviceleste para o jogo da volta, mas com os pés no chão.

“O Paysandu é time de tradição. Um resultado como esse, na final e em cima do rival dá uma confiança, mas não alivia o clima pois não tem nada vencido. Vamos continuar trabalhando para executar nosso trabalho”, define.


Para o jogador, o rival deve vir mais ofensivo, o que permite que o jogo de domingo será mais disputado.

“O Remo deve vir mais ofensivo para o jogo, mas o clássico muda pouco independentemente da situação, pois todo mundo entra com sangue no olho querendo ganhar, ainda mais em uma final. Será um jogo bastante disputado”, acredita

Sem desfalques, o Papão segue a preparação para o clássico de domingo (6), onde quer buscar o seu 48º troféu estadual.

(DOL)