Foram iniciadas neste sábado as semifinais do Campeonato Paulista da Série A2. Campeão da divisão de elite em 1990, o Bragantino largou na frente ao vencer o Água Santa, time de melhor campanha na primeira fase, por 1 a 0, no Estádio Nabi Abi Chedid, com gol do zagueiro Gilberto, em cobrança de falta.

Com o resultado, o Massa Bruta terá a vantagem do empate no duelo de volta, na próxima terça-feira, 2 de maio, às 15h30 (de Brasília), em Diadema. O Água Santa precisará vencer por dois gols de diferença para avançar à final de forma direta, portanto. Uma vitória pelo placar simples, por sua vez, leva a decisão da vaga para os pênaltis.

No outro confronto semifinal do dia, Rio Claro e São Caetano foram protagonistas de um jogo emocionante no Estádio Augusto Schmidt. O resultado, porém, foi melhor para o Azulão, que arrancou um empate por 2 a 2 fora de casa e decidirá a vaga em casa, no Anacleto Campanella, na terça-feira, às 19 horas.

Logo aos sete minutos de jogo, o São Caetano abriu o placar, em cabeçada de Carlão. Nos acréscimos da etapa inicial, Zeca empatou para o Galo Azul, que virou a partida no primeiro lance do segundo tempo, com Fernando. Aos sete minutos, contudo, o time visitante chegou à igualdade, com Sandoval.


As equipes que alcançarem a final da Série A2 automaticamente garantem o acesso e disputarão a elite do torneio estadual do ano que vem.

Série A3

O sábado do Campeonato Paulista da Série A3 também foi agitado. Três equipes se classificaram às semifinais da competição. São elas a Inter de Limeira, o Nacional e o Monte Azul, que eliminaram Desportivo Brasil, Rio Branco e Taboão da Serra, respectivamente.

Nos três casos, os duelos de ida haviam terminado empatados. De manhã, o Monte Azul recebeu o Taboão da Serra no Estádio Otacília Patríci Arroyo e venceu por 1 a 0, com gol de Danilo.

À tarde, em Limeira, o time da casa construiu a sua vitória diante do Desportivo em 10 minutos. Primeiro, Wesley abriu o placar aos 50 segundos. Aos 5, Felipe Merlo deixou tudo igual. Mas, aos 9, Tom desempatou.

Por fim, o Nacional foi a Rio Branco e triunfou por 3 a 1. Émerson Mi, Éder Louco e Léo Castro marcaram para o time da capital. Thiago Silva descontou para a equipe da casa.

Neste domingo, a partir das 10 horas, o Olímpia, clube de melhor campanha na primeira fase, receberá a Portuguesa Santista para decidir o último semifinalista. O primeiro encontro, realizado no Estádio Ulrico Mursa, terminou empatado por 1 a 1. A exemplo da Série A2, campeão e vice ascenderão de divisão estadual.

Fonte: Gazeta Esportiva