Sokratis não aprovou a atitude de Dembelé diante do interesse do Barça (Foto: AFP)

A partir do momento em que o Barcelona manifestou o interesse de contar com o futebol de Ousmane Dembelé para a próxima temporada, o atacante do Borussia Dortmund passou a apelar fortemente para que a negociação se concretizasse. Todavia, algumas atitudes do francês foram criticadas, como, por exemplo, deixar de comparecer a treinamentos do time, o que lhe rendeu um afastamento por tempo indeterminado. Na visão de seus companheiros, é algo prejudicial, não só para ele, como para o elenco todo.


“É um bom rapaz, mas deve entender que nenhum jogador no mundo é mais importante do que a equipe. Não tem direito de fazer o que ele quiser. Quando decidiu deixar de treinar, tomou a decisão equivocada. Ele não pode esquecer que ainda tem um contrato longo com o Borussia”, disse o zagueiro Sokratis Papastathopoulos, em entrevista ao jornal Kicker.

O grego sugeriu que Dembelé se apoie no exemplo de Aubameyang, que manteve o profissionalismo mesmo especulado diversas vezes em outros times europeus. “Hoje em dia é francamente difícil de dizer que será fácil que possa se reintegrar ao elenco. Dá a impressão de não querer ser parte de nossa família”, apontou.

De nada adiantou o jovem atacante de 20 anos bater o pé, já que os alemães se mantiveram firmes nas negociações e recusaram as propostas enviadas pelo Barça. Os amarelos estreiam pelo Campeonato Alemão às 10h30 (de Brasília) deste sábado, contra o Wolfsburg, fora de casa. E sem Dembelé.

 

O post Companheiro de Borussia Dortmund critica atitudes de Dembelé apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Fonte: Gazeta Esportiva