A Copa do Brasil 2021 apresenta adversários diferentes para Remo, Paysandu e Castanhal, nossos representantes na competição nacional que começa a partir do dia 10 de março.

Do trio paraense, apenas o Castanhal não terá a vantagem de jogar pelo empate para avançar a segunda fase do torneio, enquanto que a dupla Re-Pa terá o recurso de jogar por dois resultados iguais.

VOLTA REDONDA-RJ: O Voltaço vai enfrentar o Castanhal no Maximino Porpino. O time carioca teve uma boa temporada no ano passado e se garantiu na Copa do Brasil após ficar entre os primeiros colocados do Campeonato Carioca.


No Estadual, o Voltaço foi eliminado nas semifinais, tanto na Taça Guanabara quanto na Taça Rio. Na Copa do Brasil, a equipe foi eliminada pelo Lagarto-SE e na Série C ficou apenas na sexta posição, mesmo tendo goleado o Brusque por 8 a 1 na fase classificatória.

MADUREIRA-RJ; Outro carioca no caminho paraense é o Madureira, que irá enfrentar o Paysandu. O time não chegou as finais dos dois turnos do Campeonato Carioca e não disputou competições nacionais no ano passado.

Mesmo assim, a equipe espera fazer um bom jogo frente aos bicolores e aposta no estádio Aniceto Moscoso, localizado na famosa rua Conselheiro Galvão. A equipe vai em busca de uma classificação inédita para a segunda fase.

ESPORTIVO-RS: O Remo vai cruzar o Brasil para enfrentar o Esportivo-RS, da cidade de Bento Gonçalves, interior gaúcho. A equipe já jogou na temporada e venceu o São José-RS por 1 a 0 pela abertura do Campeonato Gaúcho.

A equipe foi a terceira colocada no grupo B do Gaúchão no ano passado e como o estado ganhou vagas na Copa do Brasil acabou ficando para a primeira fase.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não definiu datas e horários dos jogos da primeira fase.

(DOL)