Após uma emocionante, complexa e difícil luta, o paraense Deiveson Figueiredo conseguiu manter o cinturão peso-mosca na noite deste sábado (12), quando participou do UFC 256, em Las Vegas, nos EUA.

O paraense fez a luta contra Brandom Moreno, ficando cinco rounds com o adversário no octógono, em uma luta bastante equilibrada. Ao final, os árbitros decidiram por um empate majoritário, fazendo com que o cinturão continuasse com o Deus da Guerra.


Com a luta, Deiveson entra para a história do UFC com um novo recorde, como campeão a defender seu título no menor intervalo de tempo, de apenas 21 dias. Há 3 semanas, o paraense derrotou Alex Perez no UFC 255.

 

(DOL)