O técnico Marcos Paquetá deve promover mudanças na equipe (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

O Botafogo vem em uma sequência de jogos desde o retorno das competições após a Copa do Mundo. Nesta segunda-feira, a delegação alvinegra deixa Porto Alegre rumo a São Paulo, onde encara novo voo, desta vez para Assunção, onde enfrenta na quarta-feira o Nacional-PAR, pela Copa Sul-Americana.

Os botafoguenses só vão retornar ao Rio de Janeiro após a partida na capital paraguaia. Por conta disso, o técnico Marcos Paquetá vai fazer mudanças no elenco que irá até Assunção. O volante Rodrigo Lindoso e os atacante Kieza e Rodrigo Pimpão se juntam a delegação, enquanto Aguirre, Moisés e Bochecha voltam para a capital carioca.


Lindoso e Pimpão ficaram de fora da partida contra o Internacional por estarem suspensos. Já Kieza foi poupado. O uruguaio Aguirre está suspenso na Sul-Americana pela expulsão na Libertadores de 2017, quando atuava pelo Nacional-URU. Moisés, com dores no tornozelo, será poupado. Já Bochecha volta ao Rio por opção técnica de Marcos Paquetá.

Mesmo após quatro jogos a frente do Botafogo, Marcos Paquetá pode começar a ter o cargo em risco em caso de mau resultado no Paraguai. Além disso, no próximo fim de semana, o Botafogo terá pela frente o Santos, que também está em crise, pelo Campeonato Brasileiro, no Nilton Santos, e precisa dos três pontos para se manter longe da zona de rebaixamento.

O post Delegação do Botafogo viaja direto para o Paraguai apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Fonte: Gazeta Esportiva