O atacante Edgar iniciou ontem o seu tratamento para a dependência química. O jogador será acompanhado por médicos, psicólogos, entre outros profissionais, para que ele consiga se recuperar logo. Além disso, está sendo feito um cronograma para que o atleta possa treinar normalmente e seguir com o seu tratamento.

O artilheiro do Leão na temporada deve voltar hoje aos treinamentos no Baenão. Na última segunda-feira, houve uma reunião que decidiu o futuro do jogador, que continuará no Remo, mas com a condição de se cuidar. Os companheiros de equipe dele estão dando total apoio. “A expectativa é que ele possa, primeiramente, buscar uma melhoria como ser humano. E, depois, dar sequência no que ele sabe fazer, que é jogar futebol. Estamos torcendo para terminar da melhor maneira possível”, afirma o meia Eduardo Ramos.


Na véspera do Re-Pa, Edgar se envolveu em uma polêmica no Baenão e acabou sendo cortado da partida, por indisciplina. Após esta situação, houve mais alguns problemas envolvendo a diretoria remista e o técnico Josué Teixeira, que resultou no pedido de licença de Sérgio Dias, diretor de futebol. A expectativa é que Edgar siga o seu tratamento e o Remo retorne ao clima tranquilo que estava antes de todas estas situações.

(Café Pinheiro/Diário do Pará)