Tricampeão da Moto GP e um dos principais pilotos da categoria nos últimos anos, Jorge Lorenzo vem tendo uma péssima temporada em 2017. Atualmente na 13ª posição do Mundial, o espanhol pode comemorar uma melhora pela primeira vez durante os treinos para o Grand Prix da Espanha, em Jerez, que será disputado neste domingo.

“Provavelmente hoje foi minha melhor sessão de testes nessa temporada, especialmente por que as sensações na última volta com pneu novo foram muito boas. Ainda temos muito trabalho para fazer, especialmente com os pneus usados e pensando no futuro”, afirmou Lorenzo após as etapas de treino.


Durante as sessões no circuito espanhol, Lorenzo chegou a ter a volta mais rápida, mas acabou superado por Dani Pedrosa, Jack Miller e Cal Crutchlow. Em seu primeiro ano na Ducati, o quarto melhor tempo do espanhol, cravando 1min40s291, foi seu melhor na temporada.

“Hoje terminamos positivamente e eu fui o primeiro piloto da Ducati com o quarto tempo mais rápido. É verdade que ainda estamos meio longe dos líderes e que amanhã teremos que confirmar que demos um passo à frente, mas acho que temos margem para melhora”, ponderou o multicampeão.

Na temporada, Lorenzo acumula um 11º lugar no GP do Qatar, uma nona posição no GP das Américas e um abandono na Argentina. O espanhol aparece em 13º do ranking, com apenas 12 pontos conquistados.

Fonte: Gazeta Esportiva