Tido como um dos maiores jogadores da história do futebol, Diego Maradona revelou que não usa qualquer tipo de droga há 13 anos. Flagrado com o entorpecente em seu organismo em um exame antidoping, o craque argentino protagonizou grandes polêmicas fora das quatro linhas, mas hoje garante que tudo ficou no passado.

A volta por cima de Maradona para vencer seu problema com as drogas teve uma grande ajuda da família. Mais sossegado aos 56 anos, o ‘Dios’ se pronunciou em entrevista ao progamara Amici, da emissora italiana Canal 5.


“Há 13 anos não uso drogas. Agora me divirto jogando futebol com meus filhos”, disse Maradona antes de relembrar um dos casos mais sombrios do tempo em que jogava futebol.

Diego Maradona atravessou momentos sombrios durante o período em que usou drogas. Durante a entrevista, o craque lembrou o tempo em que ficou internado após sofrer uma overdose. Segundo ele, a situação só foi superada graças à filha Dalma.

Destaque da seleção argentina nas décadas de 1980 e 90, Maradona não conseguiu se livrar do uso da cocaína, que aconteceu pela primeira vez quando ainda jogava no Barcelona. No futebol italiano, onde atuou pelo Napoli e pelo Bari, o argentinou seguiu abusando de entorpecentes, chegando a ingerir, inclusive, em uma Copa do Mundo.

Fonte: Gazeta Esportiva