Sempre que foi acionado pelo técnico Márcio Fernandes, o meia Guilherme Garré entrou em campo e não somente deu conta do recado, mas inflama a torcida do Remo com suas jogadas rápidas.

Agora, o jogador terá a responsabilidade de sentir na pele a emoção do Clássico Rei da Amazônia pela primeira vez e sabe da responsabilidade de entrar em campo para ajudar o Leão a vencer o rival.

“Cada jogador vai buscar dar o seu melhor e isso é visível para cada atleta do Remo. Sabemos do peso de um clássico e da força do rival que enfrenta o momento difícil, mas vamos focar na gente para fazer um grande jogo e conseguir a vitória”.


A mesma torcida azulina que empurrou o time nos últimos jogos da competição é esperada por Garré, que acredita que o apoio do Fenômeno Azul será essencial para vencer.

“A torcida do Remo é algo inexplicável. Fico feliz pela força e o apoio deles nos jogos, o que será essencial para vencer”, completou o jogador.

Remo X Paysandu jogam neste domingo (23), às 18h no estádio Mangueirão, em Belém.

  • (DOL)