Autor de um dos gols na vitória sobre o São Francisco, o zagueiro Victor Oliveira, que é natural de Monte Alegre, comemorou bastante o belo tento que marcou em Santarém. E nem poderia ser de outra forma, afinal de contas, segundo o próprio atleta, há bastante tempo que ele não conseguia balançar a rede. Oliveira admitiu não lembrar a última vez, antes da partida de ontem, em que havia carimbado a rede de um adversário. “O que lembro é do primeiro gol, que foi em 2014”, recordou.


Sobre o gol marcado, o segundo do Papão, Oliveira comentou: “A bola pegou velocidade e acabou entrando no canto”, descreveu. “É uma jogada que a gente vem treinando. Em alguns jogos não deu certo, mas persistimos e saiu bem hoje (ontem)”, salientou. Aliás que os gols de bola “parada” marcados pelo Papão, segundo o defensor, não saíra por um acaso. “A gente treina bastante bola parada. Temos uma equipe alta”, observou Oliveira.

De acordo com o zagueiro, a vitória injetou mais motivação ao time bicolor, sobretudo por ter acabado com o jejum de vitória da equipe fora de Belém. “Estamos procurando evoluir a cada rodada. Não é fácil construir da noite pro dia uma equipe perfeita”, disse.

(Nildo Lima/Diário do Pará)