O Paysandu está garantido na fase semifinal da Copa Verde após golear o Santos-AP, por 4 a 2, nesta quinta-feira (15), no estádio da Curuzu, em Belém.

VEJA COMO FOI O LANCE A LANCE

Com um público de quase cinco mil torcedores, o Paysandu tentou amenizar o clima tenso após a derrota no clássico e foi logo para cima. A zaga amapaense teve muito trabalho para tirar bola após cruzamento de Matheus Muller.

O Papão saiu na frente aos 15 minutos do primeiro tempo com Mike, após jogada de Nando Carandina. Papão 1 a 0.

O volante bicolor que fez a jogada do gol também se atrapalhou na saída de bola e nisso, o Santos-AP chegou ao empate: William Fazendinha deixou tudo igual aos 39 minutos e colocou tensão na Curuzu.

A resposta bicolor veio na etapa final com Cassiano. O atacante marcou três gols, aos 12, 26 e 30 minutos do segundo tempo e não somente garantiu a tranquilidade da torcida, mas se tornou artilheiro da Copa Verde, com cinco gols marcados.


Ainda deu tempo para Jonatan cobrando falta diminuir para o Peixe da Amazônia, mas não teve tempo para mais nada.

Classificado para a semifinal da Copa Verde, o Papão espera o vencedor de Rio Branco-AC X Manaus-AM, que jogam neste domingo (18).

No mesmo dia, o Papão recebe o Paragominas, pela última rodada do Parazão, em sua primeira fase.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Marcão; Matheus Silva, Diego Ivo, Edimar e Matheus Muller; Renato Augusto (Cáceres), Nando Carandina e Fábio Matos (Valter); Mike, Cassiano e Moisés (Danilo Pires)

Técnico: Dado Cavalcanti

SANTOS-AP: Axel; Diego Carajás (Bruno Lopes), Preto Barcarena, Dedé e Eduardo; Bruninho, Lessandro, Jefferson Jári e Willian Fazendinha; Jean Marabaixo (Wellington) e Tikel

Técnico: Edson Porto

ÁRBITRO: Rudimar Goltara (ES)

ASSISTENTES: Fábio Faustino Santos (ES) e Katiuscia Mendonça (ES)

CARTÕES AMARELOS: Diego Ivo (PSC); Diego Carajás, Preto Barcarena, Dedé e Wellington (SAP)

RENDA: R$ 65.900,00

PÚBLICO PAGANTE: 4.135

PÚBLICO TOTAL: 5.224

LOCAL: estádio da Curuzu, Belém (PA)

(Diego Beckman/DOL)