No quarto jogo válido pelo playoff decisivo do Campeonato Paraense Adulto masculino de Basquete, o Paysandu, em pleno ginásio Serra Freire, venceu o Clube do Remo por 81 a 70 e sagrou-se bicampeão estadual, fechando a disputa em 3 a 1. Após o fim do jogo, alguns torcedores do Remo tentaram invadir a quadra durante a comemoração bicolor, o que só foi evitado com a ação do policiamento.

A partida foi mais uma vez apertada e disputada, mas o Paysandu, assim como em todo o confronto, teve mais regularidade e, aos poucos, foi abrindo uma vantagem de segurança. No primeiro quarto, o único momento de vantagem azulina, venceu por 25 a 18. No quarto seguinte o Papão reagiu e chegou a 40 a 37. No terceiro quarto o Remo voltou a equilibrar e venceu por 19 a 18, mas o placar ainda era favorável ao Papão, que venceu por 58 a 56. Na etapa final o time alviazul mostrou-se mais tranquilo e administrou o placar. Nos instantes finais, o Remo teve de ir para cima e abusou dos erros.


O treinador bicolor comemorou o título. “Muito bom sair com um título em um jogo desses, com uma rivalidade dessas. Foi uma partida digna desse confronto. As duas equipes estão de parabéns pelo que mostraram”, disse Marcinho.

Entre os jogadores, a ordem era comemorar o feito na casa do maior rival. “Tínhamos que fechar a disputa hoje. Fizemos nosso papel e passamos por cima de todas as dificuldades”, afirmou Leonam. “Todos tinham um só foco que era vencer e ser campeões. Nosso objetivo manteve nossa regularidade. Mesmo com os erros que ainda assim apresentamos, chegamos ao título antes do último jogo”, completou John. “Foi uma batalha desde o primeiro jogo. Tivemos pouco tempo para treinar, mas mostramos a nossa força”, finalizou Gabriel.