O futebol paraense busca recuperar a hegemonia na região norte e centro-oeste, além do Espirito Santo a partir desta quarta-feira (20), com o início da sexta edição da Copa Verde.
O Pará busca não somente o título, mas também recuperar a força na competição após perder no ano passado o posto de estado com mais títulos no torneio: atualmente, o Mato Grosso tem três taças contra duas do Pará e uma do Distrito Federal.
Das cinco edições do torneio, o Paysandu chegou a final em quatro e em duas levantou a taça de campeão da Copa Verde. A última delas em 2018 e espera chegar ao tricampeonato.
Apesar de conquistar o acesso para a Série B, o Remo persegue o título regional após 2015 estar com a taça nas mãos, porém ser goleado pelo Cuiabá-MT e perder o título. Embalado pela conquista da vaga para a Segunda Divisão, o Leão quer finalmente mostrar a sua força.
O futebol do Pará ainda terá o Independente, que estreia amanhã contra o Fast Clube-AM, que joga pelo empate para avançar de fase. Cabe ao Galo Elétrico tentar aprontar diante do clube amazonense.
O torneio começa amanhã com sete partidas e na quinta-feira (21), a primeira fase se encerra para se conhecer os oito que avançam a segunda fase, onde entram os melhores clubes no ranking da CBF, entre eles, Remo e Paysandu.
VEJA A RODADA
Quarta-Feira (20/01)
Fast Clube-AM X Independente – 15h30
Brasiliense-DF X Vitória-ES – 15h30
Palmas-TO X Real Noroeste-MS – 15h30
Santos-AP X Gama-DF – 16h
Aparecidense-GO X Aquidauanense-MS – 16h
Sinop-MT X Águia Negra-MS – 16h
São Raimundo-RR X Galvez-AC – 17h
Quinta-Feira (21/01)
Manaus-AM X Ji-Paraná-RO – 15h30


(DOL)