Os fatos relatados em súmula pelo árbitro Péricles Bassols podem complicar o Paysandu para a temporada 2019, pois o time bicolor será julgado na próxima quarta-feira (12), pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Na ocasião, o Papão enfrentou o Atlético-GO pela última rodada da Série B e foram registrados protestos agressivos da torcida para o trio de arbitragem, onde o clube bicolor foi enquadrado no artigo 213.


Além do Papão, o gerente de futebol do clube, Fernando Leite e o segurança Luciano Mendes também serão julgados e correm risco de punição, sem contar na Federação Paraense de Futebol (FPF), que será julgado por deixar de cumprir partes administrativas do jogo.

(Foto: Divulgação / STJD)

Caso punido, o Paysandu poderá pagar multa e perder mando de campo na disputa do Campeonato Brasileiro da Série C.

  • E MAIS: Quer comprar material esportivo mais barato? Clique Aqui

(Diego Beckman/DOL)