O Paysandu amargou a terceira derrota consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando fora de casa, contra o Guarani-SP, o Papão voltou a repetir os erros da temporada e não conseguiu evitar o placar de 2 x 0 a favor do clube de Campinas (SP).

Os gols que garantiram a vitória dos donos da casa foram marcados pelo paraguaio Brian Samúdio, ambos de cabeça, sendo um em cada tempo de partida, mantendo a equipe campineira dentro do G4 da Segundona.

O Paysandu terá a chance de reabilitação jogando em casa contra um dos líderes, o Juventude-RS, no sábado (17), às 16h30, no estádio Mangueirão, em Belém.

CONFIRA OS GOLS

PRIMEIRO TEMPO

Em uma escalação diferente, com o lateral Hayner no meio de campo, o Papão pouco criou e saiu para o intervalo em desvantagem.


Já o Bugre manteve a posse de bola e jogadas ofensivas, mesmo que sem brilhantismo.

Samúdio e Bruno Nazário recebiam boas bolas do veterano Fumagalli, que também deu trabalho aos marcadores do Paysandu.

Ricardo Capanema, que entrou como titular no jogo, acabou falhando na saída de bola, deixando a redonda de presente para o ataque do Guarani, que trabalhou bem até deixar Samúdio livre para cabecear e abrir o placar no Brinco de Ouro. 1 x 0.

Na reta final, os bicolores ainda esboçaram alguma reação, principalmente em jogadas individuais de Leandro Carvalho, mas foi pouco para conseguir o empate até o final do primeiro tempo.

SEGUNDO TEMPO

O que se viu foi uma equipe com mais “fome”, enquanto os donos da casa se seguravam na defesa e assustavam vez ou outra em contra-ataque velozes.

A turma alviceleste ainda chegou a reclamar de um pênalti sofrido pelo atacante Marcão, que foi agarrado pelo zagueiro dentro da área, mas o árbitro mandou a jogada seguir.

Quando o Papão estava mais perto do empate ao longo da partida, o Guarani foi lá e marcou o segundo gol, novamente aproveitando falha de posicionamento da defesa, que viu o meia Samúdio conseguir cabecear mais uma bola no fundo da rede de Emerson. 2 x 0.

Nos minutos finais, faltou força e organização para o Bicola conseguir a reação, enquanto o Bugre trocou passes de lado e controlou o relógio até o último apito do árbitro.

FICHA TÉCNICA

Guarani: Leandro; Lennon, Diego Jussani, Genilson e Salomão; Auremir, Evandro, Bruno (Claudinho), Samudio (Caíque) e Fumagalli (Denner); Eliandro

Paysandu: Emerson; Ayrton (Wellington Jr), Perema, Gilvan e Perí; Wesley, Capanema (Daniel Amorim), Hayner e Fernando Gabriel (Diogo Oliveira); Marcão E Leandro Carvalho

Gols: Samúdio (x2)

Estádio: Brinco de Ouro, Campinas (SP)

Árbitro: Braulio da Silva Machado

Auxiliares: Thiaggo Americano Labes e Johnny Barros de Oliveira

(DOL)