O Brasileiro de futebol feminino, e, mais uma vez, não conseguiu um bom resultado. As meninas do General da Vila perderam na tarde de ontem para o São Francisco-BA por 5 a 3 e as responsáveis pelos gols do Pinheirense foram Bia, logo no primeiro tempo, e Pingo, no segundo tempo, com dois gols. Mesmo com a derrota, o técnico do time paraense, Rildo Ramos, avaliou a atuação das jogadoras como muito boa.

“Óbvio que a responsabilidade da derrota é minha, mas as minhas meninas jogaram muito bem. Estou triste pela derrota, principalmente porque tivemos dois erros do juiz que foram de dois pênaltis claros que ele não marcou a nosso favor. É vergonhoso a gente trabalhar tanto e a arbitragem agir dessa forma”, lamentou o técnico.


A zagueira do Pinheirense Lauze saiu machucada no meio do jogo e está sendo avaliada para saberem se ela terá condições de jogo na próxima rodada. Enquanto as meninas estavam atuando na Bahia, mais duas atletas, uma goleira e uma atacante de Santarém, chegaram no Pinheirense para reforçar a equipe na competição.

O próximo compromisso das meninas será no dia 9, contra o time do São José-SP, às 15h, no estádio Mangueirão, em Belém. Sobre o pedido protocolado na FPF para desistir do torneio por dificuldades financeiras, o presidente do clube, Paulo Edivaldo, afirmou que tratará do caso quando chegar em Belém.

(K.L. Carvalho/Diário do Pará)