O jornal argentino La Nación informou neste sábado que a punição de Lionel Messi será reduzida para duas partidas. O craque foi punido com quatro jogos de suspensão pela seleção argentina após discutir com a arbitragem no duelo da Argentina contra o Chile, pelas eliminatórias da Copa do Mundo.

O abrandamento da pena será oficializado ocorrerá em 4 de maio, em Zurique, onde Messi comparecerá para sua defesa. A presença do atleta na Suíça será determinante para que a punição seja reduzida.


Messi foi suspenso depois de agredir verbalmente o árbitro Emerson de Carvalho em confronto com o Chile pelas Eliminatórias. A AFA apelou contra a punição e Messi será ouvido na corte que avalia o caso.

Ele já ficou de fora da partida contra a Bolívia. Se a suspensão for mantida, o jogador ficará ausente também dos jogos contra Uruguai, Venezuela e Peru. A situação da Argentina nas Eliminatórias é complicada.

O time perdeu para a Bolívia por 2 a 0 na última rodada e está em quinto lugar com 22 pontos. Hoje, a bicampeã mundial precisaria jogar a repescagem para participar da Copa da Rússia.