A terça-feira (30), está sendo movimentada no Clube do Remo. Depois de Nano Krieger receber a notícia da sua dispensa via WhatsApp, em entrevista coletiva o diretor Marco Antonio Pina, o Magnata, anunciou mais uma lista com nomes de atletas dispensados pelo clube.

Na lista estão as mais recentes contratações que chegaram em Belém há pouco mais de um mês. Indicados por Josué Teixeira, o meia Danilinho e o meia-atacante Ronny estão dispensados. Este último foi personagem de um lance que gerou muitas reclamações no jogo contra o Cuiabá, no último domingo (28).


Depois de uma derrota e um empate na Série C, a crise se instalou de vez do Clube do Remo, sem contar a eliminação da Copa do Brasil e da Copa Verde, além de perder o título do Parazão para o Paysandu.

A situação mais preocupante nessas dispensas é que as inscrições dos atletas serão perdidas na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), já que não podem ser substituídas, como diz o parágrafo 2º do Art. 5º: “Os clubes poderão inscrever um número máximo de 35 (trinta e cinco) atletas, sem direito a substituições, até o último dia útil anterior ao início da 10ª rodada (primeira do returno da Fase de Grupos). Nestas inscrições, pelo menos 05 (cinco) necessariamente serão Sub-23. Goleiros poderão ser inscritos fora do prazo (em casos de lesão comprovada), desde que estejam registrados pelo clube no BID no início do campeonato”.

Atualmente o Remo só pode fazer mais 10 contratações e segundo Magnata a diretoria já está procurando um volante, um zagueiro e um atacante de área.

Na Série C, apenas Henrique permaneceu no time titular nos três jogos. Atualmente o Remo está fora da zona de classificação, amargando o sexto lugar da tabela. Seu próximo compromisso na disputa é contra o Confiança, em Sergipe, nesta segunda-feira (05).

(DOL)