Em meio a  muita chuva na capital paraense na tarde deste sábado (14), Clube do Remo e Independente se enfrentaram pela oitava rodada do Campeonato Paraense no estádio Baenão, em Belém. Numa partida sem muita empolgação, que terminou em 0 a 0, o Remo deixou escapar a classificação antecipada da competição.

No início do primeiro tempo as duas equipes tiveram dificuldades para fazer jogadas, devido ao gramado encharcado pela chuva. Mesmo assim, o Remo parecia se impor melhor na partida, com jogadas pela direita, e principalmente iniciadas com Djalma. O Galo Elétrico não chegava ao ataque azulino, o que deu pouco trabalho ao goleiro Vinícius. Somente aos 44 minutos, numa saída errada do arqueiro azulino, Ray Gol chuta forte, Vinícius faz uma bela defesa, seria o lance de maior perigo do Independente.

Já no segundo tempo, o Galo teve dois jogadores expulsos. Aos 18 minutos Wellington Cabeça  foi mandado para o chuveiro mais cedo após cometer em Wesley, recebeu o segundo cartão amarelo e em seguida o vermelho. Aos 27 minutos durante uma confusão na área do Independente, Jackson leva uma cotovelada e cai no gramado com o supercílio quebrado. O árbitro expulsa Ezequias por reclamação.


Mesmo com os desfalques, o Independente conseguiu segurar a pressão azulina. O Remo dominava, mas não encontrava o caminho do gol. O jogo virou uma espécie de ataque contra defesa, e ficou no 0 a 0.

Com o empate, o Remo é líder na classificação geral com 17 pontos. O Independente chegou aos 10 pontos e não saiu da quinta colocação. O Remo ainda pode perder a liderança, pois o segundo colocado, Paysandu, joga neste domingo (15) com o Castanhal.

Na nona rodada, o Remo receberá o Águia de Marabá, no próximo domingo (22), no Baenão, às 15h30. No mesmo dia e horário, o Independente enfrentará o Bragantino, no Diogão.

(DOL)