Há uma semana da sua primeira partida decisiva na fase mata-mata da Série D, contra o Atlético Acreano-AC no estádio Barbalhão, dia 10, o São Francisco inicia uma mini reformulação em seu elenco. Dois atletas experientes, titulares e remanescentes do Parazão e Copa do Brasil abandonaram o clube e dois jovens devem sucedê-los.

O lateral-esquerdo Sousa, 33, teve seu contrato encerrado essa semana e a direção do clube optou pela não renovação. Outro que não teve o contrato renovado foi o goleiro Labilá, 33, que interessava ao São Francisco, apesar de seguidas lesões, mas caiu em desgraça com a diretoria azulina por problemas disciplinares. “Ele foi visto jogando futevôlei durante o período de recuperação da lesão e confirmando presença em um jogo de futsal, no mesmo período de jogos do Leão na Série D”, comentou fonte ligada à direção azulina.


SUBSTITUIÇÕES

Se perdeu dois atletas, a direção corre atrás de novos nomes. O lateral esquerdo Andrelino,21, ex-Desportiva e Paysandu, acertou seu retorno ao clube. Para o gol, a direção azulina negocia com o Papão o empréstimo de Paulo Ricardo, 20, atualmente quarto goleiro na Curuzu e que trabalhou com Walter Lima na Desportiva Paraense.

(Taion Almeida/Diário do Pará)