Manaus FC conseguiu um feito histórico ao eliminar o Coritiba da 1ª fase da Copa do Brasil nesta quarta-feira (13), em partida disputada na capital amazonense.

Apesar da grande conquista, a partida ficou marcada pelo surto do jogador Sassá, que se irritou com a comemoração do goleiro do Manaus FC e partiu para cima do atleta.


O arqueiro provocou dando uma “sarrada”, comemoração registrada do atacante, assim que o jogo terminou. Sassá, que ainda perdeu um penalti durante o jogo, correu em direção ao goleiro e só não conseguiu efetuar a agressão  porque foi agarrado por colegas e funcionários da Federação Amazonense de Futebol.