O técnico Marquinhos Santos espera que o Paysandu saiba, mais uma vez, tirar proveito de jogar fora de Belém, sábado (12), contra o Oeste-SP, na Arena Barueri, em São Paulo. O treinador vem recomendando aos seus jogadores, nas preleções, que o grupo procure aproveitar com eficiência os espaços que deverão ser oferecidos pelo adversário, na estreia dos times no “returno” da Série B.

“Normalmente as equipes que jogam em casa têm por princípio controlar o jogo e atacar mais os adversários. Aí, essas equipes mandantes, correm o risco de oferecer mais espaços aos visitantes”, acredita o técnico. Ele também vem recomendando ao seus atletas que evitem a ansiedade, mal que estaria sendo o principal responsável pelos resultados ruins sofridos pelo time em Belém.

“Temos de ter equilíbrio, ter a paciência necessária e a sabedoria para que nosso time, no momento certo, possa aproveitar para chegar à vitória, que não será fácil”, ensina. Sobre o time paulista, Marquinhos afirma: “O Oeste tem um elenco bom. É uma equipe que nós conhecemos e sabemos o potencial dela e que precisa ser respeitada”, diz.

CURTAS DO LOBO


– No sorteio que apontou a arbitragem para os jogos de abertura do returno da Série B do Brasileiro saiu o nome do pernambucano Nielson Nogueira Dias, de 42 anos, para dirigir Oeste-SP e Paysandu, sábado (12), na Arena Barueri, na cidade de Barueri, em São Paulo.

– O apitador, que pertence à Polícia Militar do Estado de origem, terá como assistentes Francisco Chaves Bezerra Júnior e Ricardo Bezerra Chianca, também da Federação Pernambucana de Futebol (FPF). O quarto árbitro será o paulista Rodrigo Gomes Paes Domingues, da federação paulista.

– Oeste e Paysandu se enfrentam a partir das 19 horas, com o adversário bicolor defendendo uma invencibilidade de nove partidas como mandante: cinco vitórias e quatro empates. O Papão tentará a sua quarta vitória jogando fora de Belém, já que venceu o América-MG, Vila Nova-GO e Santa Cruz-PE atuando nos domínios dos adversários.

– O jogo entre Paysandu e Paraná-PR, valendo pela 21ª rodada da Série B do Brasileiro teve a sua data e horário alterados pelo departamento técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O jogo, em Belém, passou da sexta-feira (18) para o sábado (19), não mais ás 19h15, mas agora às 19 horas. A direção bicolor ainda não se manifestou sobre a permanência do confronto no Mangueirão, como prevê a tabela, ou Curuzu.

– Correm rumores na Curuzu de que o Papão estaria propenso a abrir os cofres e promover uma senhora reforma no elenco do clube, contratando um total de 10 jogadores para o restante da disputa da Série B. Mas, em conversa recente com o Bola, o diretor Roger Aguilera foi claro ao informar que o clube não tinha dinheiro para contratar os cinco jogadores que precisa.

– Levando em conta as declarações de Aguilera e, ainda, a escassez do mercado, a chegada dos 10 atletas ao campeão paraense não deve mesmo passar de especulação. Vale ressaltar que com o prazo de inscrição de novos atletas encerrado na última segunda-feira (7), os clubes, desde a terça-feira (8), só podem substituir os jogadores que já possuem. É o que determina o regulamento do Brasileiro.

(Nildo Lima/Diário do Pará)