Thiago Mendes realizou ressonância magnética nesta terça-feira após sair machucado na vitória do São Paulo por 2 a 0 sobre o Avaí. Temendo uma lesão grave, o departamento médico do Tricolor ficou mais tranquilo com o resultado dos exames, já que o meia sofreu apenas um pequeno edema no ligamento colateral medial do joelho direito. O clube não divulgou previsão de retorno do seu atleta aos gramados.

Embora o elenco tricolor tenha se apresentado apenas na tarde desta terça-feira no CT da Barra Funda, Thiago Mendes compareceu ao Reffis pela manhã e já iniciou tratamento. Ele trabalhará em dois períodos juntamente com os fisioterapeutas do São Paulo visando uma rápida recuperação.


Sem um diagnóstico em mãos, o departamento médico do São Paulo acreditava que Thiago Mendes poderia ficar afastado dos gramados durante meses, assim como aconteceu com Morato, que passou por uma cirurgia no joelho e deverá ficar cerca de seis meses ausente. Com o resultado da ressonância magnética, a expectativa é que o meia tricolor se recupere em um tempo bem menor. Wesley, com um estiramento no músculo posterior da coxa direita, e Araruna, com estiramento no músculo adutor da perna esquerda, são os outros desfalques de Ceni no meio-campo.

O São Paulo inicia nesta semana a preparação para o clássico contra o Palmeiras, no próximo sábado, no Morumbi. O time do técnico Rogério Ceni tentará manter a invencibilidade contra o rival alviverde em sua casa, já que não sofre uma derrota em seus domínios para o atual campeão brasileiro há 15 anos. Para a partida o ex-goleiro são-paulino terá Jucilei, João Schmidt, Wellington e Éder Militão como opções para substituir Thiago Mendes no setor.

Fonte: Gazeta Esportiva